Quem Foram Os Apóstolos e porque Seguiram Jesus, o Cristo de Deus?

Você sabe quem foram os apóstolos e porque seguiram Jesus? Se não conhece suas histórias ainda, continue lendo esse conteúdo e entenda cada uma de suas trajetórias segundo a Bíblia.

Entre as diversas figuras do Cristianismo, temos os apóstolos como alguns dos mais conhecidos por várias pessoas. E, assim como é dito de Jesus Cristo na Bíblia, praticamente todos eles passaram por grandes provações ao final de suas vidas. Porém, muitos não entendem a razão deles terem seguido Jesus Cristo e quem era cada um dos apóstolos.

Separamos esse conteúdo para você que deseja saber quem foram os apóstolos e porque seguiram Jesus. Continue lendo e entenda suas histórias, porque seguiam Jesus e quais foram as grandes provações ao final de suas vidas.

Quem foram os 12 apóstolos de Jesus Cristo?

Primeiramente Cristo não é sobrenome de Jesus, porque seus pais não tinham esse sobrenome, não era filho de José Cristo e nem Maria Cristo, Cristo é qualitativo e o cristianismo veio bem depois. Os apóstolos nunca se chamavam de cristãos, porém os outros os chamavam assim, foram escolhidos pelo próprio Cristo para serem chamados de apóstolos.

Os apóstolos de Jesus Cristo, também conhecidos por “discípulos”, foram 12 homens que o seguiram em sua caminhada espiritual sobre a terra. Acompanhavam o Mestre durante suas pregações e demonstrações de poder como curas, ressuscitar mortos e expelir demônios, os Apóstolos ajudavam na logística de todos os seus passos e estavam sempre ao seu lado.

Eles foram ensinados e disciplinados pelo Cristo, e quando compreenderam devidamente o propósito do reino de Deus, colocaram as suas vidas a disposição do maior Mestre de todos os tempos, Jesus o Cristo, o Messias.

Além de ajudarem o mestre, cada apóstolo tinha sobretudo a missão de se espelhar em Cristo para que, após a sua ida aos céus, eles pudessem continuar este maravilhoso trabalho.

Hoje todos que compreendem o propósito do Cristo e se colocam como discípulos Dele, são os que levam a mensagem deixado pelos apóstolos e discípulos dele através do novo testamento a todos os seres humanos.

Jesus não fundou nenhuma religião e foi morto pela ordem do sumo sacerdote da época com apoio do povo que preferiu soltar Barrabás, Jesus na sua época foi o maior crítico a religiosidade, no livro de Mateus no cap 23, Jesus diz de uma forma muito clara das enganações dos sacerdotes da época e os chamavam de raça de víboras.

É como Jesus enxergavam os responsáveis do templo na época que usavam o poder que tinham para usarem em benefícios próprios, os doutores da Lei e os escribas.

Conheça as histórias dos 12 apóstolos de Cristo.

Pedro

Talvez um dos apóstolos mais conhecidos de Jesus Cristo, Pedro era natural de Betsaida. Ademais, foi um dos primeiros apóstolos que Jesus encontrou, durante uma caminhada pelo mar da Galileia. Simão Pedro foi um homem exemplar, de muita simplicidade e amoroso, porém era muito impulsivo, explosivo e às vezes falava sem pensar. Porém, Jesus sempre o amou e o disciplinou.

De acordo com a tradição da igreja, ele foi morto pelo imperador Nero por volta do ano 64. Dito isso, Pedro é considerado o primeiro papa da Igreja Católica e seus restos mortais estão na Basílica de São Pedro, em Roma.

Contudo, Jesus nunca falou que ele seria um papa, e Pedro negou Jesus 3 vezes, mostrando que mesmo sendo escolhido como apóstolo, Pedro era um ser humano igual a nós, sujeito as mesmas falhas.

André

André também foi recrutado por Jesus enquanto pescava. Era um homem de enorme zelo e sincero coração. Sabia chorar quando era preciso e teve uma morte muito triste, sendo crucificado em forma de “X”.

Seus restos mortais seriam levados pelo mar para a Escócia, mas o barco naufragou. Por conta disso, na região existe uma ilha chamada Santo André.

Tiago

Tiago também trabalhava na área da pesca. Era um apóstolo de muita coragem, ambição e ousadia, sempre querendo pregar e espalhar a mensagem de amor de Jesus Cristo. Infelizmente, pela intolerância da época, acabou sendo morto pela espada do rei Herodes Agripa I.

João

É chamado de Apóstolo do amor, pelas suas cartas, evangelho e ainda escreveu o Apocalipse, um livro enigmático que poucos podem compreender. João foi o único Apóstolo que ficou até a morte de Jesus.

Diferente de todos os outros seguidores de Cristo, ele é o único que aparentemente morreu de causas naturais aos 100 anos de idade, na região de Éfeso. Ademais, isso teria acontecido por volta do ano 98.

Filipe

Era um homem muito tímido e com pouca fé, tinha muitas dúvidas e medo de se lançar no caminho com Jesus Cristo. Até o fim de seus dias, nunca deixou Jesus e sempre pregou a sua palavra. Ele foi sepultado em Hierápolis, com suspeita de ter sido um mártir cristão, porém nunca descobriram o seu assassino.

Tomé

Tomé era um bom apóstolo, porém, após a ressurreição de Cristo, não pode acreditar que realmente o seu mestre tinha ressuscitado, sendo incrédulo. Porém, foi perdoado e morreu pregando a palavra do Criador. Até hoje existem hipóteses sobre sua provável morte. Alguns dizem que morreu orando, outros que foi torturado na região de Madras.

Bartolomeu

Era um dos homens mais justos e bondosos que já passaram pela Terra. Bartolomeu era muito feliz ensinando. Era muito amoroso, porém foi esfolado vivo pelos povos bárbaros e acabou morrendo decapitado.

Judas

Também era um homem com muito temor e de pouca fé. Até que encontrou Jesus Cristo e a sua vida mudou. No entanto, é mais conhecido pela sua epístola bíblica, onde ele fala sobre o amor e justiça de Deus.

Mateus

Trabalhava como cobrador de impostos, porém sempre foi muito humilde, apesar de sua profissão ser malvista pelo povo. Recebeu vários talentos divinos, entre eles o da cura e o dom de milagres.

Tiago de Alfeu

O apóstolo mais jovem recrutado por Jesus Cristo, ele pregou nos lugares onde ninguém tinha coragem de ir. No entanto, acabou morrendo crucificado no Egito.

Simão

Conhecido também por Simão, o Zelote. Ele era extremamente cuidadoso e atencioso com o ministério dado por Jesus Cristo. Sendo assim, sempre pregou a palavra ensinada pelo seu Senhor Jesus.

Judas Iscariotes

Conhecido como o maior traidor do Cristo, Judas foi quem entregou Jesus por algumas moedas de prata. Traiu o mestre por não ter compreendido o propósito real do Messias, principalmente pela sua arrogância e egoísmo.

Judas teve remorso e não arrependimento, e por tamanho remorso não suportou o peso das consequências internas do seu ser e suicidou-se enforcado, mostrando sua fraqueza e covardia.

O que os apóstolos podem nos ensinar?

Acima de tudo, os apóstolos de Jesus Cristo demonstraram que devemos compreender, viver e ensinar a palavra de Cristo. De acordo com os relatos do Novo Testamento, em todas as histórias dos 12 apóstolos vemos muita fé, compromisso, amor ao próximo e transformação de vida.

Além disso, eles nos mostram que é necessário ter amor e bondade em nosso ser. Fora Judas Iscariotes, cada apóstolo amou Jesus Cristo e acreditando em sua palavra, morreram por ela. Portanto, eles demonstram o quanto a palavra de Jesus pode ser libertadora para muitas pessoas que desejam.

Agora você sabe quem foram os apóstolos e porque seguiram Jesus. Se gostou desse conteúdo e deseja se aprofundar em temas como esse, clique aqui e confira nossos cursos exclusivos.

Curtiu o conteúdo?

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no LinkedIn
Compartilhe no WhatsApp

Deixe o seu comentário!